23 maio, 2020

Reunião da equipe de comunicação da Pastoral da Aids

Nesta sexta-feira (22), a Pastoral da Aids reuniu os agentes que atuarão na área da comunicação da mesma, com o objetivo de somar esforços e utilizar os canais institucionais para dar visibilidade ao que está sendo realizado nos regionais e a nível nacional, em relação à prevenção, formação dos agentes, incidência política e acompanhamento das pessoas vivendo e convivendo com HIV e Aids. A equipe de comunicação da Pastoral da Aids está sendo organizada e conta com a participação de 17 agentes, indicados pelos/as coordenadores/as regionais, secretário executivo e assessor de comunicação. Segundo o secretário executivo, Evandro Ferrete, está sendo preparado um Plano Nacional de Comunicação da Pastoral da Aids para fortalecer as ações de luta contra a AIDS, levar informações para a prevenção que favoreçam o acolhimento e cuidado às Pessoas que vivem e convivem com o HIV, a favor da VIDA e da SOLIDARIEDADE!

12 maio, 2020

Vigília Pelos Mortos de Aids 2020

“No brilho da Luz, Fortalecer a Esperança”
No terceiro domingo de maio, dia 17, a Pastoral da Aids da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) promove a Vigília Pelos Mortos de Aids, em todas as regiões episcopais, onde de forma on-line ou individual farão orações pelas pessoas que morreram com Aids.  A Vigília é um movimento internacional que iniciou em maio 1983. Um grupo formado por mães, parentes e amigos de pessoas que morreram por causa do HIV, organizou, em Nova Iorque, a Primeira Vigília Pelos Mortos da Aids.
Este ano a vigília traz o tema “No brilho da Luz, Fortalecer a Esperança”, expressão que coloca em comunhão as pessoas que faleceram e estão na presença de Deus, com aquelas que cuidam da vida e buscam que os direitos humanos sejam respeitados. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que desde o início da epidemia, em 1981 cerca de 38 milhões de pessoas morreram de AIDS. No Brasil o Boletim Epidemiológico de 2019 mostra que 338.905 já faleceram por causa da Aids. A 37ª Vigília da Pastoral da AIDS conclama a todos a manterem acesa a chama da esperança, fortalecer a solidariedade, os laços fraternos, o espírito comunitário e o interesse público, colocando a vida humana em primeiro lugar.

28 abril, 2020

"Cuidar de si, cuidar do outro é cuidar da vida"

Ouvi um especialista da área da saúde dizer com grande preocupação: "o vírus veio para ficar. Não se sabe se voltaremos a normalidade e nem se voltaremos a viver da forma como vivíamos antes da epidemia do  COVID-19". A doença chegou e complicou a vida, as relações pessoais e o mundo do trabalho. A pandemia trouxe preocupação para a economia, para a saúde e para todas as famílias. A verdade é que precisamos outra vez remodelar a convivência  com mais um vírus, com os medos e expectativas que ele gera. O que temos ouvido com frequência e com insistência é que necessitamos nos cuidar e cuidar uns dos outros. O melhor é prevenir porque remediar trás uma serie de limitações e custos. Precisamos evitar o contanto com o vírus. Para isto, de nossa parte, higiene 100%, boa alimentação e máscara, sabão e álcool em gel. Buscar o serviço de saúde somente com os sintomas mais graves. Por enquanto ficar em casa.

22 abril, 2020

Prudência em tempos de COVID-19. Atitude necessária.

     Nestes tempos sombrios de COVID-19, ouve-se muitas opiniões, às vezes contraditórias, que acabamos nos perguntando em quem mesmo devemos acreditar. A quem mesmo devemos seguir e como devemos nos orientar? É importante distinguir cada situação e dar ouvido a quem é qualificado nesta área específica, pois tudo atrás de cada posicionamento existe interesses. A OMS é o organismo internacional responsável pelas questões de saúde. Aqui em nosso país, devemos ouvir  e seguir sempre as orientações dos órgãos e profissionais de saúde. É importante também ter senso crítico: ouvir, olhar e analisar a realidade com nossos próprios olhos para termos os parâmetros e cuidados necessários. Cuidado com pessoas e autoridades que acham que têm que ter opinião sobre tudo, mesmo não sendo qualificados para a área. Isto pode nos levar a dores e sofrimentos desnecessários.

30 março, 2020

“O Bem Viver no Campo e na Cidade” tema da 43ª Romaria da Terra

Cuidar bem de você e de todos os que você ama, é uma forma de bem viver. 
Aconteceu no dia 25 de fevereiro, em Mormaço, município pertencente à Diocese de Cruz Alta, a 43ª Romaria da Terra. A realização da Romaria é um dos compromissos comuns permanentes das 18 Dioceses do Rio Grande do Sul que integram o Regional Sul 3 da CNBB e acontece desde 1978, na terça-feira de Carnaval. O Tema deste ano foi: “O Bem viver no campo e na cidade”. Durante a caminhada de 2,7km, a qual foi motivada para ser em silêncio, houve paradas com encenações referentes ao tema. Na chegada dos Romeiros ao Parque municipal de Mormaço foi celebrada a missa campal, presidida pelo bispo de Cruz Alta, Dom Adelar Baruffi, com a presença do arcebispo de Passo Fundo, Dom Rodolfo Luís Weber, e de outros bispos e padres do Rio Grande do Sul. O diferencial deste ano foi a substituição da tribuna livre por oficinas que desenvolveram o tema da Romaria.
Na oportunidade, a Casa Fonte Colombo e agentes da Pastoral da Aids conversaram com os participantes e entregaram materiais informativos com o tema: “Cuide de você e de todos os que você ama”, para dizer que realizar o teste do HIV é uma maneira de bem viver e de cuidar de quem se ama.
Durante a celebração de envio, os romeiros receberam a notícia de que a cidade de Santa Cruz será o local da 44ª Romaria da Terra do Rio Grande do Sul.
Procure uma Unidade Básica de Saúde e faça o teste do HIV!